É dando que se recebe bem.

vasssoura

Fiquei sabendo agora que a tal da Andressa Urach, ex-vice-miss bumbum, fazia programas. Até aí nada demais, sem querer ser preconceituosa mas sendo um pouco, isso para mim era mais do que esperado. Mas pasmei com o valor. Já perguntei a alguns amigos que usam esse tipo de serviço de aluguel de vagina e outros orifícios o valor cobrado pela dona dos buracos. Perguntei por curiosidade mesmo. Mas confesso que dei uma comparada básica com o meu contracheque de professora e o que ganho de direito autoral de um único (até agora) livro publicado e, sim, cheguei a repensar a escolha. Agora é tarde, já estou velha, com duas muxibinhas penduradas, barrigão protuso e desbundada mais do que nunca. Melhor continuar escrevendo e lecionando. Tô de boa e felizona também nessa.

Mas voltando a Andressa Urach… ela cobrava quinze mil reais por duas horas. Eu disse quinze mil reais por duas horas!!! Não resisti e fui para a calculadora. Isso corresponde a 125 reais o minuto ou dois reais o segundo! Mas gente… Conseguem imaginar? Vai, meninos, vamos supor que vocês pagassem isso por esse serviço. Não a mim, claro, que não valho centavos a hora no mercado mas sei lá, à miss popozuda mesmo ou outra da mesma estirpe. Como agiriam? Dariam oi já tirando a roupa? Descansar nem pensar, né? Seria bom contratar um enfermeiro ou algo que o valha para ir te dando água durante o processo, te enchendo de amendoim, ovos de codorna, ostras, catuaba, oxigênio e tudo o mais para valer cada minuto! Seria aconselhável também treinar em quantos segundos você consegue colocar a camisinha. Se demorar por exemplo, dez segundos, babau vinte reais já.

Nossa. Eu, pobre pobre pobre, nem consigo pensar…

Mas, pasmem, Andressa Urach disse que trabalhava de segunda à sábado. Descansava no sétimo dia como aquele que fez o Universo.  E ainda assim ela queria mais. Muito mais. Foi quando resolveu ficar mais, digamos, gostosa (para usar o termo correto nesse meio) e saiu colocando hidrogel até, literalmente, pasmem, no cú. Mas gente… foi aí que deu merda. Lembro-me que foi nessa época que ouvi o nome dela pela primeira vez porque ela estava entre a vida e a morte tendo que arrancar pedaços de carne lá da perna, dos seios e de mais não sei onde. Estava com tudo apodrecendo. Acabou que ela ficou toda deformada e não podia mais ganhar a vida como outrora.

Para encerrar a história, acabei de ler agora também que ela virou escritora (ui!), entrou para a Igreja do Bispo Macedo, mas não dá nada para os pobres ainda não – como fazem os cristãos e as menos ambiciosas. Disse ela que a vida agora está melhor e bem mais fácil de se viver. Alguém duvida? Livro vendendo como vassouras benzidas.

Aff…

2 Comentários

Arquivado em Crônicas

2 Respostas para “É dando que se recebe bem.

  1. hugo patricio

    É minha amiga de Pentágono, são estes os valores atuais da nossa ¨Pátria Educadora¨ um país onde a educação e a cultura não abundam, o que se prioriza é o bundão, afinal ele (o bundão) não avalia, analisa ou critica acontecimentos

    Curtido por 1 pessoa

  2. Confesso que eu ri na parte em q a Urach virou escritora. Justamente pela ironia da vida. 😂

    Curtido por 1 pessoa

Participe! Comente você também!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s