A quem a gente agradece?

Depois que eu
havia arquivado
a esperança
E julgado
o sexo bebida
de quem tem sede
Deparei-me
com um sonho
em segurança
Que surgiu
como um sono
em uma rede.

Pipo foi isso:
o encaixe
não previsto
Que distante,
eu completa,
a paz padece
Quando perto,
vou falar
e já me dispo
Porque o sexo
não mais
com sede
se parece.

Não é troca
muito menos
uma dança
O que entre
o ator
e a professora
acontece
Não é permuta
muito menos
liderança
Há duas almas
se libertando
em várias preces.

Eu ateia
ele ateu
vejam a lambança
Por esse tesão
infinito
divino
que entorpece,
Pela esperanca
ressuscitada
várias vezes
E a chegada
da primavera
em nossa cama
a quem,
meu deus,
se agradece?

2 comentários em “A quem a gente agradece?

Participe! Comente você também!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s