Arquivo da categoria: Short Movies

O estranho caso da mulher que só enxerga quando muda de personalidade e eu com essa história.

SM1

A notícia do jornal vem acompanhada da foto da mulher B.T. que perdeu a visão por completo havia 13 anos, após sofrer um acidente traumático. B.T. sofre de um transtorno dissociativo de identidade (múltipla personalidade) desde antes do evento que a deixou cega. O que surpreendeu toda a equipe médica foi quando B.T. encarnou a identidade de um garoto adolescente.

“Ela recuperou a visão de repente”, disse à BBC o professor Strasburger.

Após o término da entrevista, o professor Strasburger volta para a casa onde está sua filha comendo algo que esquentou no microondas enquanto lê as atualizações de amigos e ilustres desconhecidos nas redes sociais em seu smartphone. Como foi o seu dia?, pergunta-lhe da mesma forma e com o mesmo interesse que damos boa noite ao vizinho. Foi legal, responde ela, sem desviar os olhos de seu aparelho.

O professor segue então para a sala onde está sua esposa deitada no sofá lendo Short Movies de Gonçalves M.Tavares. Ela nem percebe a chegada de seu marido e está tão absorvida pelas páginas que não ouve “oi, querida”. Mesmo sem resposta, o  professor Strasburger segue para o banheiro para tomar uma ducha.

De repente, não mais que de repente, fez-se de aflito o que se fez tão seguro. O professor Strasburger enxergou, depois de um tempo apenas respirando com a cabeça embaixo do chuveiro, o quão morto estava para o mundo. Ele apenas existia…

Após o banho, foi comer alguma coisa enquanto via pela televisão as notícias do dia.

Voltamos de novo para o momento em que o professor está sendo entrevistado e o ouvimos dizer:

“É incrível como esta paciente é capaz de mudar de um estado a outro, de modo que às vezes ela enxerga e outras vezes não. É o primeiro caso que se conhece dessas características”, disse Strasburger.

Pobre professor Strasburger…

Deixe um comentário

Arquivado em Crônicas, Short Movies

António – Meu Primeiro Short Movie

SHort

Ao longe, do espaço, vemos uma fotografia da Europa no momento da virada do Ano. A despeito dos fusos, o continente segue todo muito iluminado.

A câmera se aproxima e vemos agora a cidade de Porto com seus telhados e suas ruas cortando os quarteirões. O zoom continua e estamos observando uma casa, um quarto, uma cadeira e uma mesa onde se encontra um homem sentado vendo uma fotografia no seu computador da Europa no momento da chegada do Ano de 2016.

Ao lado da máquina, está aberto na página 63 o livro Short Movies de Gonçalo M. Tavares que desanuvia aquela casa de um só morador.

Ninguém sabe (ao ver a fotografia tirada lá do alto) que ao menos uma luz brilhante tem uma natureza não feita de fótons e sim de literatura.

Deixe um comentário

Arquivado em Crônicas, Short Movies